Recarga de bilhete único apresenta dificuldades

Quem precisou recarregar o bilhete único no metrô ontem encontrou dificuldades. O sistema ficou fora do ar durante todo o dia e parte das máquinas de autoatendimento não funcionou. Nos próximos 40 dias, a chamada venda assistida, feita com ajuda de funcionários em cabines, não será efetuada em 37 estações. A Sé, parada mais movimentada, pode ficar sem a cabine até o fim de setembro.

, O Estado de S.Paulo

23 de agosto de 2011 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.