Rebelião deixa feridos na Fundação Casa em Campinas

Após tentativa frustada de fuga, os menores fizeram um interno e funcionários de refém

Ricardo Valota, do estadão.com.br

18 Março 2010 | 03h55

Internos das unidades Anhanguera I e II da Fundação Casa - Centro de Atendimento Socioeducativa ao Adolescente (antiga Febem) -, localizadas no bairro San Martin, em Campinas, interior do estado, rebelaram-se por volta das 21 horas desta quarta-feira, 17, após uma tentativa de fuga.

 

Três agentes socioeducativos e um adolescente foram feitos reféns e liberados por volta da 1 hora desta quinta-feira, 18. Ficaram feridos, todos sem gravidade, dois adolescentes e alguns funcionários. Os menores foram encaminhados por unidades do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) para o pronto-socorro Anchieta.

 

Na rebelião, os internos, de faixa etária entre 14 e 18 anos, usaram algumas ferramentas que estavam no almoxarifado de um canteiro de obras dentro da unidade. A porta foi estourada pelos menores, que se armaram e deram início ao motim, que foi controlado primeiramente na unidade I.

 

Policiais militares e bombeiros foram acionados preventivamente e se posicionaram do lado externo da unidade. A Corregedoria da Fundação Casa vai abrir uma sindicância interna para apurar se houve algum tipo de negligência por parte dos funcionários das duas unidades.

Mais conteúdo sobre:
Fundação casa rebelião

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.