Racha de bandidos adiantou fuga

O comandante do Estado Maior Operacional da PM, coronel Alberto Pinheiro Neto, revelou que uma cisão entre os traficantes antecipou a saída dos criminosos. "Houve discussões entre traficantes da Rocinha e criminosos de outras favelas que estavam na comunidade."

O Estado de S.Paulo

11 Novembro 2011 | 03h02

Na tarde de quarta, as prisões de bandidos escoltados por cinco policiais ocorreram após o grupo de traficantes do Morro do São Carlos, liderados por Anderson Rosa Mendonça, o Coelho, e por Sandro Amorim, o Peixe, desconfiar das ordens de Nem, que falava em resistir à ocupação, mas tramava a própria fuga.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.