Quem piscar primeiro perde!

De novo

TUTTY HUMOR, O Estado de S.Paulo

18 Outubro 2012 | 03h05

Notícia enguiçada da semana: 'Está chegando ao fim mais uma paralisação das obras de construção da Usina de Belo Monte!'

Huuummm!!!

Ana Maria Braga não resistiu! Aproveitou viagem a Portugal para provar a 'caralhota'. A apresentadora degustou o pão típico da região de Almeirim molhadinho na sopa, sem perder a piada de papagaio com o Louro José: "Você já viu uma caralhota assim?"

Inferninho

'Kit Gay' pode virar nome de boate LGBT no Baixo Augusta! Empresários da noite estão só checando se a marca não tem dono para tocar o negócio.

Que fase!

Como se não bastassem as constantes trombadas com Joaquim Barbosa no julgamento do mensalão, Ricardo Lewandowski bateu de frente ontem com Gilmar Mendes em sessão extra do STF. Mal comparando, Michael Schumacher viveu uma série de acidentes bizarros parecidos antes de anunciar aposentadoria.

Bode expiatório

O gambá encontrado no Senado pode ter sido plantado no anexo para dispensar maiores explicações se alguma coisa por lá não estiver cheirando bem!

Acredite se quiser!

José Serra tem aproveitado a insônia para orar de madrugada!

Revertério

A Antártica acaba de bater recorde de congelamento. É mais um duro golpe no fim do mundo por aquecimento global!

O eleitor americano está confuso! Com tantos quesitos colocados em julgamento pela imprensa nos debates entre Barack Obama e Mitt Romney, fica muito difícil arriscar um palpite sobre quem está vencendo a série de três confrontos pela Casa Branca na TV.

Precisa ver quem em cena foi o mais agressivo, o mais confiante, o mais simpático, o mais vigoroso, o mais hesitante, o mais firme, o mais desenvolto, o mais atento, o mais bem-humorado, o mais efetivo, o mais defensivo, o mais preparado, o mais durão, o mais contido, o mais inseguro, o mais caricato, o mais coloquial, o mais apático, o mais carismático, o mais irreconhecível...

Vencido o segundo debate, o mais provável é que os candidatos estejam empatados (1 a 1) em quase tudo. A persistir o resultado no encontro da próxima segunda-feira, o futuro presidente dos Estados Unidos pode ser escolhido por critérios subjetivos do americano médio.

E, pelo que a gente conhece dessa gente - ô, raça! -, deve perder voto, por exemplo, quem piscar ou rir primeiro. O sapato mais bem engraxado e o melhor laço de gravata também estarão sob o crivo do eleitor.

No final, vence sempre quem estiver mais ensaiado para o papel!

Melhor ator

Já tem gente se lamentando nas

redes sociais: agora que morreu na novela, Zé de Abreu deve voltar a falar de política no Twitter! Amigos da Globo estão tentando arrumar uma participação especial para ele em Salve Jorge.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.