'Queda de galho provoca 52% da falta de energia'

Para o vereador Dalton Silvano (PV), a mudança na lei poderá reduzir o tempo de espera de uma poda para menos de um mês, além de possibilitar uma queda no número de acidentes na rede elétrica. "Isso porque é sabido que 52% das ocorrências da Eletropaulo estão relacionadas a árvores e galhos que caem na rede elétrica, especialmente quando chove", diz.

O Estado de S.Paulo

02 Novembro 2011 | 03h03

Segundo a Eletropaulo, que firmou um convênio com a Prefeitura em dezembro do ano passado para acelerar a realização do serviço, a empresa realizou 340 mil podas em 2010 em árvores que tocam a rede elétrica.

O Município, que autoriza o trabalho, não confirmou o número e solicitou um relatório à concessionária. Os dados deste ano não foram fornecidos pela empresa. O documento também foi solicitado na semana passada em reunião da CPI da Eletropaulo, na Câmara. Segundo a comissão, o convênio não dá conta de atender a demanda. /A.F.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.