Quatro policiais foram mortos na cidade de SP em uma semana

Madrugada desta sexta-feira teve caso registrado; além disso, duas bases foram atacadas nos últimos dias

Solange Spigliatti, estadão.com.br

22 de junho de 2012 | 09h36

São Paulo, 22 - Chega a quatro o número de policiais militares mortos nesta semana em São Paulo. O último caso aconteceu no começo da manhã desta sexta-feira, 22, por volta das 5h15, na região do Grajaú, na zona sul de São Paulo.

Segundo a PM, o soldado Osmar Santos Ferreira, do 16º Batalhão, em Rio Pequeno, foi abordado por um veículo na avenida Prefeito Paulo Lauro. Os criminosos desceram do carro e atiram contra o militar, que foi atingido por uma bala na cabeça. O policial foi socorrido ao Pronto-socorro do Grajaú, mas não resistiu aos ferimentos. Os bandidos fugiram.

Casos. Um policial militar foi executado na zona sul na noite desta quinta-feira, 21. Ele estava à paisana em um supermercado no bairro Jardim Comercial, quando três criminosos dispararam contra ele, que revidou e matou um dos bandidos.

Na noite anterior, o policial Vaner Dias, de 44 anos, da Cavalaria, foi morto quando dava aula de jiu-jítsu em uma academia na Avenida Caneiro Ribeiro, na Vila Formosa.

Já o soldado Cleiton, de 25 anos, lotado na 1ª Companhia do 47º Batalhão da PM, foi morto com um tiro no rosto, ao tentar evitar um assalto a uma loja de roupas localizada na Rua Celestino Marinelli, na região de Pirituba.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.