Quadrilha invade hospital e rouba caixas eletrônicos na zona leste de SP

Funcionários foram levados para corredor e banheiro, onde ficaram sob a mira dos bandidos

William Cardoso,

07 Janeiro 2013 | 19h31

SÃO PAULO - Uma quadrilha com 15 homens armados invadiu nesta segunda-feira, 7, o Hospital Santa Marcelina, em Itaquera, na zona leste de São Paulo, fez funcionários reféns e roubou o dinheiro de dois caixas eletrônicos do banco Santander. Os bandidos fugiram antes da chegada da polícia. Ninguém ficou ferido durante a ação.

O assalto aconteceu por volta das 5h50 e surpreendeu quem estava no local. Era o horário de troca de turno tanto dos vigias da unidade de saúde quanto da Polícia Militar. Funcionários foram levados para um corredor e um banheiro, onde ficaram sob a mira dos bandidos. "Os ladrões escolheram um horário com pouca gente, porque o hospital é bastante movimentado, até por atender grande parte da zona leste e de cidades da região", afirmou o delegado Roberto Gonçalves, titular do 50º Distrito Policial (Itaim Paulista), onde o caso foi registrado.

Segundo o delegado, os bandidos usaram dois maçaricos, que foram recolhidos durante a fuga. O banco não informou quanto foi levado. A polícia conseguiu as imagens do circuito interno de vigilância. "É possível ver com detalhes a quadrilha agindo", afirmou.

Até as 19h desta segunda-feira, nenhum dos ladrões foi preso pela polícia. "Trabalhamos com várias hipóteses e não descartamos nada até agora", afirmou Gonçalves, sobre a eventual participação de pessoas que conheciam a rotina do hospital.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.