Divulgação/GCM
Divulgação/GCM

Quadrilha explode banco e ataca viatura da PM em Araçariguama

Explosões e os tiros causaram pânico entre os moradores – foi a 6ª ação de criminosos contra bancos na cidade em três anos

José Maria Tomazela, O Estado de S.Paulo

07 Dezembro 2018 | 09h30

SOROCABA – Uma quadrilha invadiu a região central da cidade e explodiu uma agência do banco Santander, na madrugada desta sexta-feira, 7, em Araçariguama, no interior de São Paulo. Foi o 4º ataque de criminosos a bancos, esta semana, em cidades do interior.

Conforme a Guarda Civil Municipal, os bandidos chegaram em vários carros por volta das 4 horas e, enquanto uma parte da quadrilha invadia a agência, outros criminosos faziam disparos para intimidar moradores e polícia.

A agência fica entre a sede da Guarda Municipal e a base da Polícia Militar, no centro da cidade. As explosões e os tiros causaram pânico entre os moradores – foi a 6ª ação de criminosos contra bancos na cidade em três anos.

O prédio da agência ficou parcialmente destruído. Na fuga, houve intensa troca de tiros com policiais militares. Uma viatura da PM teve o para-brisas, os vidros laterais, a lataria e um pneu perfurados a tiros. 

Até o início da manhã, não tinha sido confirmado se os bandidos levaram dinheiro. Como os criminosos deixaram explosivos intactos no local, toda a área foi interditada, à espera da chegada do esquadrão anti-bombas da PM.

Na quarta-feira, 5, uma quadrilha explodiu uma agência da Caixa Econômica Federal em São Carlos. No dia anterior, o ataque aconteceu num posto bancário da Caixa em São José do Barreiro. Na segunda, 3, os criminosos explodiram as agências da Caixa e do Bradesco em Morungaba

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.