Quadrigêmeos nascem em São Carlos (SP)

Parto, acompanhado por uma grande equipe, durou dois minutos

Ricardo Brandt - Especial para o Estado,

14 de junho de 2012 | 18h56

CAMPINAS - "Foi um susto e medo seguido de felicidade. A família cresceu de dois para seis", comemora a auxiliar de produção Simone Valle Camargo, de 30 anos, que na segunda-feira deu à luz a quadrigêmeos, em São Carlos, no interior de São Paulo. O caso é raro por se tratar de uma gestação espontânea em que os quatro bebês nasceram com vitalidade.

Eduardo (1,140kg), Leonardo (1,270kg), Isabelli (1,125kg) e Igor (1,280kg) nasceram com sete meses e estão internados na UTI Neonatal da Casa de Saúde de São Carlos. Eles passam bem. "É um caso raro, acontece uma vez a cada 1,5 milhão uma gestação quadrigemilar espontânea. Eles agora só têm que aguardar para ganhar peso", conta o médico João Gilberto Silva Bortollotti Filho.

O parto, acompanhado por uma equipe de dois cirurgiões, quatro pediatras, três nutricionistas, um psicólogo, um anestesista e 11 enfermeiros, durou dois minutos. "Fizemos as retiradas dos bebês o mais rápido possível para evitar problemas para a mãe", explica Bortollotti Filho.

Simoni, que estava internada desde o final do quinto mês de gravidez, para receber acompanhamento nutricional e prolongar a gestação, vai permanecer em um quarto da Casa de Saúde para poder acompanhar os bebês de perto até que eles recebam alta da UTI Neonatal, o que deve ocorrer dentro de um mês, na avaliação do médico.

Dois dos gêmeos são idênticos. Nesta quinta-feira, 13, a pequena Isabelli já começaria a receber o leite materno por meio de sonda. A mãe das crianças e o pai, o ajudante de produção Gilmar Sérgio de Camargo, agora fazem as contas para saber como vai ser criar os quatro bebês. "Moramos com minha sogra numa casa de três quartos", conta Simone. A família, que não possui recursos, está aceitando donativos, principalmente fraldas e leite em pó, que podem ser encaminhados para a Casa de Saúde de São Carlos.

Tudo o que sabemos sobre:
quadrigêmeosSão Carlos

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.