Publicitária é achada morta em porta-malas

Uma publicitária de 34 anos foi encontrada morta ontem por asfixia, no porta-malas do próprio carro, em Aparecida de Goiânia (GO). Um ex-presidiário de 39 anos, suspeito do crime, está detido. Segundo a polícia, ele conhecia a vítima. Às 12h30, vizinhos de uma casa próxima da Igreja frequentada pela publicitária e pela sua família ouviram gritos e acionaram a polícia. O homem foi abordado pelos policiais ainda quando colocava o corpo no porta-malas. O motivo do crime está sendo investigado.

, O Estado de S.Paulo

16 de setembro de 2011 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.