Psiu volta a fiscalizar com a lei antiga

Psiu volta a fiscalizar com a lei antiga

No primeiro fim de semana de fiscalização do barulho nos moldes da lei do silêncio antiga, oito vistorias foram agendadas no domingo. Dessas, duas foram canceladas por causa da chuva. A Prefeitura só pôde retomar os agendamentos na sexta-feira, quando foi publicada a liminar concedida pelo Tribunal de Justiça (TJ) para suspender os efeitos da lei municipal que flexibilizou as regras de fiscalização do Programa de Silêncio Urbano (Psiu). Nas seis vistorias realizadas, o nível de barulho estava dentro do permitido. A Câmara Municipal de São Paulo vai recorrer da liminar nesta semana.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.