Protestos interditam pistas da Paulista e do Morumbi, em São Paulo

Manifestantes pediam mais segurança pública no Morumbi e, na Paulista, protestavam contra vetos à lei 12.764, que regulamenta direitos de autistas

Bárbara Ferreira Santos,

01 de setembro de 2013 | 14h30

Cerca de cem pessoas protestaram neste domingo, 1º, no Morumbi, zona sul de São Paulo, por mais segurança pública. A concentração começou por volta das 11h, na Praça Vinicius de Moraes. Os manifestantes estavam vestidos com camisetas amarelas e soltaram balões verdes e amarelos. Segundo a Polícia Militar, a intenção do grupo era caminhar até o Palácio dos Bandeirantes, sede do governo paulista. No entanto, os manifestantes se dispersaram por volta das 12h30, ainda na praça.

Já na Avenida Paulista, um  grudo de cerca de 150 pessoas se reuniu por volta das 11h30, em frente ao número 2.514, para protestar contra os vetos à lei 12.764, que institui a Política Nacional de Proteção dos Direitos da Pessoa com Transtorno do Espectro Autista. Eles chegaram a bloquear a pista sentido Paraíso da via e caminharam até a altura do Parque Trianon. O grupo retornou pela pista sentido Consolação e encerrou a manifestação por volta das 12h30, ainda na Paulista. 

Mais conteúdo sobre:
protestos

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.