Protesto deixa 270 mil sem ônibus em SP

Motoristas e cobradores de ônibus da Viação Sambaíba, na zona norte da capital paulista, protestaram ontem por questões trabalhistas e muitos veículos não saíram da garagem desde a madrugada. Ao todo, 270 mil passageiros foram afetados com a paralisação de 44 linhas e 435 coletivos afetados. O Plano de Apoio entre Empresas em Situação de Emergência (Paese) da Prefeitura entrou em operação com 223 ônibus para atender 30 linhas. o plano de contingência só foi desativado no fim da tarde.

O Estado de S.Paulo

22 Fevereiro 2014 | 02h03

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.