Protesto de caminhoneiros congestiona Marginal do Tietê

Intenção do comboio é seguir até a Ponte da Vila Guilherme para protestar contra rodízio de caminhões

Elvis Pereira, do estadao.com.br,

18 de junho de 2008 | 13h02

O protesto de caminhoneiros, somado ao excesso de veículos, prejudicou o trânsito na Marginal do Tietê, no sentido da Rodovia do Castelo Branco. Às 12h33 desta quarta-feira, 18, a via registrava 6,7 km de congestionamento na pista local, entre o acesso à Rodovia dos Bandeirantes e a Ponte da Casa verde, e 5,4 km na expressa, até a Ponte do Limão.  Segundo a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), por volta das 12h30, o comboio estava na região da Ponte Atílio Fontana, situada após o acesso à Bandeirantes. São cerca de 20 veículos de transporte de caçambas, que ocupam a faixa da esquerda da pista local. A intenção dos motoristas é seguir até a Ponte dos Remédios. Os caminhoneiros iniciaram o trajeto no fim da manhã, na Ponte da Vila Guilherme, para protestar contra o rodízio de caminhões, que restringirá a circulação dos veículos na cidade a partir do próximo dia 30.

Tudo o que sabemos sobre:
Marginal do Tietêtrânsito

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.