Protesto de bike - e salto - em Moema

Ato foi resposta a declaração de comerciante

FELIPE TAU, O Estado de S.Paulo

20 Novembro 2011 | 03h02

Ciclistas e moradores de Moema, na zona sul, realizaram ontem um protesto pela manutenção da ciclofaixa no bairro, inaugurada há quinze dias. Chamado de "Milionárias de Bike", a manifestação foi organizada no site de relacionamentos Facebook como uma resposta à declaração da comerciante Carolina Maluf, de 44 anos.

No dia da inauguração da ciclofaixa - a primeira com projeto de ficar aberta durante 24 horas na cidade -, a comerciante bloqueou a sua passagem com o carro e depois protestou. "Onde vou colocar minhas clientes que são milionárias, que andam de carro importado?", perguntou durante entrevista a uma emissora de TV. "Você acha que as minhas clientes vão andar de salto alto de bicicleta?"

Os ciclistas se reuniram às 13 horas no cruzamento da Avenida Rouxinol com a Rua Tuim. O local, segundo um dos organizadores, Guilherme Carnaúba, de 19 anos, foi escolhido por ficar próximo à loja de Carolina.

"Na minha opinião, o depoimento da lojista foi muito infeliz. Eu usei isso como estratégia de marketing para chamar as pessoas para uma discussão."

A poucos metros da loja de Carolina, o grupo saiu para dar uma volta completa em torno da ciclofaixa, que tem 3,3 km de extensão. E muitos, em homenagem à comerciante, apareceram com traje social. Alguns pedalaram de terno, outros de vestido, e teve quem apareceu de roupa de luxo, garrafa de champanhe e até salto alto.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.