Protesto contra tarifa de ônibus reúne 2,5 mil

Uma passeata contra o aumento da tarifa de ônibus reuniu cerca de 2,5 mil pessoas ontem em São Paulo. A estimativa é dos organizadores. Foi o quarto protesto realizado pelo Movimento Passe Livre desde janeiro. A passeata saiu do Masp, na Avenida Paulista, e foi até a sede da Prefeitura, no Viaduto do Chá, no centro. Como o prefeito Gilberto Kassab (DEM) já havia saído, os manifestantes tentaram derrubar uma grade de isolamento, mas foram impedidos pela Guarda Civil Metropolitana. Depois, os manifestantes se dispersaram.

, O Estado de S.Paulo

04 Fevereiro 2011 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.