Promotor oferece denúncia contra nove acusados de participar da morte de Eliza

O Ministério Público de Minas apresentou ontem à Justiça de Contagem, região metropolitana de Belo Horizonte, denúncia contra os nove acusados de envolvimento no sequestro e morte de Eliza Samudio, de 25 anos, ex-amante do goleiro Bruno Fernandes. O promotor Gustavo Fantini não informou quais crimes atribuiu a cada um deles. A juíza Mariza Fabiane Lopes, do Tribunal do Júri do Fórum de Contagem, vai decidir se acata ou não a denúncia do Ministério Público.

, O Estado de S.Paulo

05 Agosto 2010 | 00h00

Antes, porém, o Tribunal de Justiça de Minas deve decidir se a competência para julgar o caso será da magistrada, pois a defesa de Bruno e de outros cinco réus alega que os "supostos crimes" não teriam ocorrido no município. Hoje, a juíza deve se pronunciar sobre o pedido de prisão da atual amante do goleiro, Fernanda Gomes, e sobre a conversão das prisões temporárias dos acusados em prisões preventivas. Caso o pedido seja acatado, eles podem ficar presos até o julgamento.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.