Projeto põe fim à ''boca do luxo'' na Rua Nestor Pestana

Com as modificações no entorno da Praça Roosevelt, a Prefeitura praticamente decreta o fim da chamada "boca do luxo", casas noturnas que promovem shows eróticos na Rua Nestor Pestana desde a década de 1970.

Vitor Hugo Brandalise, O Estado de S.Paulo

31 Julho 2011 | 00h00

A mais famosa delas é a boate Kilt, inaugurada em 1971. O imóvel foi decretado de utilidade pública em junho de 2009. Em maio do ano passado, saiu o decreto dos outros quatro imóveis.

Representantes dos comércios dizem não terem sido notificados. "Da utilidade pública até a desapropriação ainda falta muito. Ninguém aqui acredita", disse o gerente da Kilt, que se identificou como Leonardo. Proprietário e advogado da boate não foram localizados.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.