Programa de Férias

POR QUE VALE A PENA?

, O Estado de S.Paulo

07 de julho de 2010 | 00h00

Para descansar na contramão

Quem desdenha do litoral de São Paulo no inverno é porque não experimentou a delícia de pegar estradas vazias, restaurantes sem fila, hotéis com desconto e, sobretudo, praias sem a euforia dos veranistas. Ilhabela fica assim em julho e ainda tem atraentes 18°C, com mínimas de 15°C à noite e pouca probabilidade de chuva. A partir do dia 17, a movimentação aumenta por causa da 37.ª Semana da Vela, uma competição anual entre velejadores do mundo. Vale ir pelo esporte, mas, "litoraneamente" falando, parar para observar o visual dos barquinhos no mar já é bom o suficiente.

PASSAR BEM

Sossego praiano, conforto paulistano

O lado oeste da ilha é o mais equipado. Na Praia do Curral, o hotel sensação é o DPNY (www.dpnybeach.com.br), um cinco-estrelas cheio de mimos, máquina de Nespresso no quarto e spa com jacuzzi e piscina aquecida. Mais romântica e não menos luxuosa, a Canto da Praia (www.cantodapraiailhabela.com.br) tem café da manhã em horário honesto para quem está de férias: até as 14h. A Refúgio das Pedras (www.refugiodaspedras.com.br) tem padaria própria. Se a ideia é ir para o leste, embarque num jipe para passar o dia em Castelhanos. Ir de barco também é uma opção.

FONTE: Secretaria de Turismo e Fomento de Ilhabela

NÚMEROS

348

km2 é a área total de Ilhabela. A ilha tem 39 praias de todos os tamanhos

85%

é da ilha é coberta pela mata atlântica. A fauna e a flora são protegidas e fazem parte do Parque Estadual de Ilhabela

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.