Problema faz Linha Vermelha do Metrô reduzir velocidade

Segundo passageiros, viagem entre as estações Itaquera e Barra Funda chegou a durar duas horas

Priscila Trindade, estadão.com.br

05 de agosto de 2011 | 07h53

SÃO PAULO - A circulação dos trens da Linha 3-Vermelha do Metrô começou a se normalizar por volta das 10h desta sexta-feira, 5, segundo informações da Companhia. No começo da manhã, às 05h25, uma composição da Linha 3-Vermelha apresentou problema no sistema pneumático na estação Artur Alvim e teve de ser recolhida para manutenção, provocando restrição de velocidade no trecho.

 

Devido ao horário de pico, quando há um aumento do número de passageiros nas estações, e a diminuição de velocidade dos trens, houve um aumento de pessoas nas plataformas e, por conta disso, várias estações tiveram algumas catracas bloqueadas por medida de segurança, para conter o fluxo de passageiros entrando na estação. O metrô não informou o número total de estações com restrição.

 

Segundo informações de usuários, uma viagem entre as estações Itaquera, na zona leste, e Barra Funda, na zona oeste, chegou a demorar cerca de duas horas, por volta das 9h30.

 

De acordo com o metrô, a restrição de fluxo de passageiros foi finalizada por volta às 10h, após a liberação de todas as catracas. Com a diminuição de passageiros diminuindo, devido ao fim do horário de pico, a circulação das composições começou a se normalizar.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.