Primeiro ensaio do bloco de carnaval Tarado Ni Você embala centro de SP

Primeiro ensaio do bloco de carnaval Tarado Ni Você embala centro de SP

Com menos de um ano de vida, bloco que homenageia Caetano Veloso, atrai 1,5 mil ao Viaduto do Chá

Gheisa Lessa, O Estado de S. Paulo

15 Dezembro 2014 | 21h03

O paulistano acordou com chuva e céu cinza neste domingo, 15. O mau tempo, no dia em que estavam programados diversos eventos ao ar livre, parecia querer desmotivar quem fez planos de ir para a rua. Às 14h, a concentração para a saída do primeiro ensaio do bloco paulistano Tarado Ni Você precisou mudar o local da folia: do Largo da Memória para o Viaduto do Chá. Mesmo assim, mais de 1.500 foliões foram conferir o cortejo.

Foi com quatro horas de atraso que a banda dos Tarados começou a tocar no centro de São Paulo. "Por causa da chuva tivemos que mudar o lugar da festa e quando chegamos no Viaduto do Chá, encontramos outro bloco, o Ilu Oba de Min. Esperamos eles terminarem o ensaio e começamos", conta um dos organizadores do Tarado, o artista social Rodrigo Guima. "Mas Carnaval é muito orgânico e acabamos juntando todos numa única festa. O Ilu acabou armando um cenário lindo para que nossa banda começasse a tocar", conta Guima.

 

O embalo dos foliões permitiu mais quatro horas de festa. A banda é comandada pela mestre de bateria Mari Santos e pelos cantores Paulo Neto e Zé Ed. Outras 17 pessoas garantem o ritmo com tambores, chocalhos, e tamborins.

Todas as apresentações do bloco Tarado Ni Você - que homenageia o cantor e compositor Caetano Veloso - começam com os versos de Milagres do Povo e termina com a repetição de Tarado Ni Você. Entre as mais pedidas pelo público que já é fiel - embora a banda tenha apenas uma ano de existência - estão "A Cor Amarela e Cobra Coral são as que deixam o pessoal mais animado e querendo mais", conta Guima. Depois de uma hora e meia de apresentação da banda, um DJ embala a turma com músicas brasileiras.

O próximo evento já está marcado: 25 de janeiro, data do aniversário de São Paulo. "Vamos comemorar junto com São Paulo porque entre nossas missões está a de mostrar para o paulistano que existe graça nas ruas desta cidade. E muita", diz Guima.

Crowdfunding. O Bloco do Tarado é mais uma organização que conta com colaboração de financiamento coletivo. A arrecadação é feito apenas online, por isso os organizadores passaram a levar tablets para as festas. O público é abordado, recebe informações sobre como acontece o investimento e colabora ali mesmo. Instantaneamente.

Na noite desta segunda, 15, o cantor e compositor Caetano Veloso compartilhou em seu perfil oficial no Instagram a iniciativa do bloco Tarado Ni Você e pediu apoio financeiro para a festa.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.