Divulgação/SAP
Divulgação/SAP

Primeira penitenciária para mulheres será inaugurada em SP

Construída em Tremembé, presídio terá área de saúde específica para a mulher e setor para amamentação

Marcela Gonsalves, Central de Notícias

08 de abril de 2011 | 19h47

SÃO PAULO - A Penitenciária Feminina II de Tremembé, a primeira construída especialmente para atender as necessidades de mulheres que cumprem pena, será inaugurada na próxima segunda-feira, 11. A unidade terá capacidade para abrigar 660 detentas.

 

Além da área de saúde específica para a mulher, haverá setores destinados à amamentação e à visita íntima, creche, biblioteca e pavilhão de trabalho. Segundo o governo, trata-se de medidas que visam proporcionar melhores condições de cumprimento de pena, com mais dignidade e segurança para presos e servidores. Outra novidade é o Projeto "Espaço Mãe", no qual as mães reeducandas e seus bebes terão um espaço reservado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.