Hélvio Romero/Estadão
Hélvio Romero/Estadão

Primavera começa e pode bater recorde de temperatura até sexta

Previsão é que os termômetros marquem entre 37°C e 38°C na quinta e na sexta-feira; veja cenas dessa estação florida pela cidade

O Estado de S. Paulo

23 de setembro de 2015 | 08h00

SÃO PAULO - A primavera começou oficialmente às 5h20 (hora de Brasília) desta quarta-feira, 23 - e com cara de verão. Estação que faz a transição da época seca para a chuvosa, no Sudeste e Centro-Oeste do País, a primavera iniciou-se sem previsão de chuva, com sol forte, pouca nebulosidade e ventos quentes em São Paulo. Há possibilidade de, até o fim da semana, a cidade bater recorde de temperatura.

Os termômetros podem marcar entre 37°C e 38°C na quinta e na sexta-feira e bater a maior temperatura já registrada na história na capital paulista. Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), o maior índice marcado no Mirante de Santana, na zona norte, desde 1943, foi de 37,8°C, em 17 de outubro de 2014.

Essa também é a época das flores, em que a natureza exibe o que tem de mais exuberante. Confira a seguir cenas de primavera da cidade de São Paulo.

Tudo o que sabemos sobre:
primaveracalor

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.