PRF apreende 5 toneladas de pedras semipreciosas na Dutra

Material estava irregular pois motorista que fazia transporte das jóias não tinha dois documentos exigidos

Fabiana Marchezi, estadao.com.br

14 de julho de 2008 | 18h39

Cerca de 5 toneladas de pedras semipreciosas foram apreendidas pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) por volta das 16h30 desta segunda-feira, 14, na altura do quilômetro 8 da Rodovia Presidente Dutra, no município de Lavrinhas, no interior de São Paulo. De acordo com a PRF, os agentes abordaram o caminhão conduzido por Antonio da Costa, de 61 anos, e encontraram as pedras ainda em estado bruto, divididas em tambores, na carroceria do veículo. Conforme orientação do Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM), o motorista deveria estar com dois documentos: a permissão de lavra e a guia de utilização de lavra, mas não havia essa documentação. Segundo Costa, as pedras foram adquiridas em São Paulo e seriam encaminhadas para o Rio de Janeiro. Elas pedras foram apreendidas e encaminhadas para a Polícia Federal de Cruzeiro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.