Presos líder da gangue das loiras e sua mulher

A polícia prendeu ontem na Praia Grande, litoral sul de São Paulo, Wagner Gonçalves de Oliveira, acusado de liderar a gangue das loiras, e sua mulher, a única morena do grupo. O bando é suspeito de cometer mais de 50 sequestros relâmpagos na Grande São Paulo desde 2008. A primeira integrante a ser presa, sexta passada, foi Carina Geremias Vendramini, de 25 anos.

O Estado de S.Paulo

23 Março 2012 | 03h03

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.