Preso suspeito de assaltar joalheria em shopping da zona sul

Homem foi encontrado em comunidade do Jabaquara com um dos relógios levados pelos criminosos

O Estado de S. Paulo

25 Abril 2013 | 08h39

Um dos suspeitos de roubar uma joalheria no Shopping Santa Cruz, na zona sul, foi preso na tarde desta quarta-feira, 24, em uma favela no Jabaquara, também na zona sul da capital. No crime, ocorrido no dia 28 de março, a quadrilha usou até um carro blindado, segundo a Polícia Civil.

O suspeito, R.L., de 32 anos, foi encontrado pelo Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic) em uma viela da comunidade Alba. Com ele, estava um dos relógios roubados no assalto. No último dia 10, outro suspeito do crime já havia sido preso. A BMW empregada na fuga dos criminosos foi recuperada com ele. O veículo foi roubado em junho do ano passado em Moema, na zona sul.

Outras três pessoas suspeitas de participar do assalto ainda são buscadas pela polícia.

Durante a ação que prendeu R.L., uma equipe do Grupo Armado de Repressão a Roubos e Assaltos (Garra) deteve um cobrador suspeito de traficar drogas.

Ele foi encontrado na mesma comunidade, a 50 metros do local onde o suposto assaltante foi preso. Segundo a polícia, foram descobertos 434 pinos de cocaína e uma porção de maconha, além de três coletes balísticos, uma balança e um carregador de pistola.

Os dois homens detidos foram encaminhados para 2.ª Delegacia de Crimes contra o Patrimônio, que investiga roubos de joias.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.