Preso no metrô suspeito de matar fonoaudióloga

Anderson dos Santos Pinto, de 34 anos, suspeito de matar a ex-namorada e fonoaudióloga Cibele Soares Pereira, de 29, em Embu, na Grande São Paulo, foi preso segunda-feira na Estação Tucuruvi do Metrô, na zona norte. Cibele foi morta a tiros em 20 de dezembro na frente de casa. A prisão preventiva havia sido decretada pela Justiça no último dia 4. Anderson teria ficado inconformado com o fim do namoro, que durou seis meses, e passou a ameaçar Cibele e a família dela. À polícia ele negou a autoria do crime.

, O Estado de S.Paulo

19 Janeiro 2011 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.