Preso no Brás vendedor de laptops de madeira

A PM prendeu ontem na Rua Oriente, no Brás, região central, um vendedor de notebooks feitos de tábuas de madeira, teclados de borracha e fotos imitando telas de laptops e tablets. Depois, as falsificações eram embrulhadas em plástico bolha. As duas mulheres que denunciaram o golpe haviam negociado cada notebook por R$ 220 - o preço inicial era R$2 mil.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.