Presença sem pisar no Plenário

Diante de 200 pessoas - entre elas 30 alunos da rede municipal, no dia 26 -, vereadores também não hesitaram em cometer a fraude. Senival Moura (PT) ganhou presença no painel às 15h12, enquanto parlamentares discursavam sobre esporte.

O Estado de S.Paulo

01 Julho 2012 | 03h02

Dois minutos depois, a reportagem foi ao gabinete e perguntou para a secretária onde o vereador estava. "Ele foi embora, saiu meio-dia. Ele só ia passar aqui pela manhã, à tarde ele tem reunião na Casa Verde. Ele não volta mais."

Outros vereadores também ganharam presença sem estar nas sessões. Netinho de Paula (PC do B), Ushitaro Kamia (PSD), Celso Jatene (PTB) e Sandra Tadeu (DEM) foram alguns deles. Jatene e Sandra negam irregularidades e afirmam que marcaram presença no terminal do elevador. Netinho de Paula e Kamia não se manifestaram.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.