Presa quadrilha acusada de roubar cargas em Sorocaba

Em Mongaguá, um empresário foi detido suspeito de liderar bando; o homem concorreu ao cargo de deputado federal em 2014

José Maria Tomazela, O Estado de S. Paulo

06 Março 2015 | 15h36

SOROCABA - Três homens e duas mulheres foram presos e apresentados como suspeitos de integrarem uma quadrilha de ladrões de cargas, nesta sexta-feira, 6, em Sorocaba. Para chegar aos criminosos, a Polícia Civil cumpriu mandados de busca em São Paulo, Cotia, Iperó e Mongaguá. Nesta cidade do litoral paulista foi preso um empresário suspeito de liderar o bando. O homem, que não teve a identidade divulgada, concorreu ao cargo de deputado federal nas eleições de 2014, mas não foi eleito.

A investigação, iniciada há cinco meses, apurou que a quadrilha roubou uma indústria, em Iperó, no ano passado. Doze homens armados invadiram a empresa, renderam funcionários e fugiram levando trinta toneladas de cabos de cobre, avaliados em R$ 500 mil. 

O bando usou veículos da empresa para transportar a carga. A quadrilha é investigada por outros roubos ocorridos em rodovias e cidades do interior. Um sexto suspeito já foi identificado, mas está foragido.


Mais conteúdo sobre:
Sorocaba

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.