Prefeitura planeja restrição maior na região do Morumbi

A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) também estuda adotar restrições para a circulação de caminhões nas ruas do Morumbi. Reportagem do Estado no dia 3 mostrou que o bairro virou rota de fuga para os veículos pesados, desde o primeiro dia da proibição na Marginal do Pinheiros e nas Avenidas dos Bandeirantes e Roberto Marinho.

, O Estado de S.Paulo

16 Setembro 2010 | 00h00

A CET afirma que está realizando um estudo de impacto nas ruas do bairro. "Entre as vias monitoradas estão Giovanni Gronchi, Morumbi, Eliseu de Almeida e Francisco Morato. Caso seja necessário, a CET fará os devidos ajustes, sem descartar a ampliação da restrição", informou a companhia, por meio de nota.

A CET ressalva, no entanto, que precisa analisar primeiro a quantidade de caminhões que precisam realmente circular pelas ruas da capital. Para quem está apenas de passagem, a companhia afirma que o Rodoanel é a melhor alternativa. A Marginal do Tietê e as Avenidas do Estado e Salim Farah Maluf são outras vias que devem receber restrições. Isso deve acontecer após a inauguração da Avenida Jacu-Pêssego, que será uma opção para os caminhões fazerem o trajeto entre as Rodovias dos Imigrantes e Ayrton Senna.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.