Marcio Fernandes/AE
Marcio Fernandes/AE

Prefeitura negocia com sem-teto desocupação de prédio em São Paulo

Manifestantes querem que os prédios sejam desapropriados para a construção de moradias populares

Priscila Trindade - Central de Notícias,

07 de outubro de 2010 | 13h23

SÃO PAULO - Representantes da Frente de Luta por Moradia (FLM) e da Prefeitura de São Paulo participarão de uma reunião na tarde desta quinta-feira, 7, para negociar a desocupação do prédio do INSS localizado na Avenida Nove de Julho, no centro da cidade. A reunião será realizada na Secretaria Municipal de Habitação (Sehab), na Rua São Bento, na região central da capital.

 

Na madrugada de segunda-feira, 4, mais de dois mil sem-teto invadiram quatro edifícios abandonados no centro da capital. Os manifestantes - vítimas de despejo nos últimos meses e moradores de favelas sob ameaça de remoção - se recusam a aceitar bolsa-aluguel ou outros benefícios para deixar os imóveis.

 

Os manifestantes querem que os prédios sejam desapropriados para a construção de moradias populares. Os edifícios invadidos ficam nas Avenidas 9 de Julho, Ipiranga, São João e Prestes Maia.

Tudo o que sabemos sobre:
São PauloCentroocupação

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.