Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Prefeitura faz repasse do Ibirapuera

A Secretaria Municipal do Verde e do Meio Ambiente informou ontem que efetuou o pagamento dos repasses relacionados ao contrato de segurança do Parque do Ibirapuera, o mais movimentado da cidade. Segundo a pasta, os 184 vigilantes devem voltar ao trabalho hoje.

O Estado de S.Paulo

12 de maio de 2012 | 03h05

Anteontem, os funcionários paralisaram o serviço por volta da hora do almoço. Eles afirmam que estão sem receber salário desde abril, um mês após a assinatura do contrato. A secretaria pagará R$ 5,9 milhões à empresa, pelo período de um ano.

A contratação da Capital ocorreu quatro meses depois de a Prefeitura cancelar os serviços da empresa anterior, a GSV Segurança e Vigilância Ltda., por excesso de faltas e descumprimento de outras cláusulas contratuais, como número de funcionários. De outubro a março, foram os guardas-civis metropolitanos que fizeram a segurança dos 1,5 milhão de m² do parque.

A normalização do serviço nos demais nove parques sob responsabilidade da empresa, porém, só deve ocorrer entre segunda e terça-feira. Até lá, a segurança será feita pela Guarda Civil. As unidades ficam na zona norte e, juntas, custam à Prefeitura R$ 4,6 milhões em vigilância por ano.

Segundo a secretaria, os atrasos nos repasses ocorreram porque a Capital devia documentos que comprovassem sua regularidade em órgãos previdenciários, trabalhistas e fiscais. / A.F.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.