Prefeitura faz operação para fiscalizar Shopping 25 de Março

Ministério Público, por meio do GAECO, foi notificado e acompanha o trabalho dos agentes

20 Dezembro 2011 | 12h00

SÃO PAULO - O Shopping 25 de Março, na região central de São Paulo, está passando por uma fiscalização coordenada pela Prefeitura desde as 7 horas desta terça-feira, 20, com o objetivo de combater a pirataria e contrabando. As lojas que comercializam produtos ilegais serão lacradas.

Pelo menos 200 lojas do shopping, localizado na rua 25 de Março, esquina com rua Carlos de Souza Nazaré, deverão ser fiscalizadas. As lojas que comercializam produtos ilegais serão lacradas. Alguns tipos de produtos serão apreendidos por medida judicial face à representação de marcas falsificadas.

Atuam na operação, direta ou indiretamente, Polícia Militar, Guarda Civil Metropolitana, das Secretarias Municipais de Segurança Urbana e de Coordenação das Subprefeituras-CCOI/SUB SE, integrantes do Conselho Nacional de Combate à Pirataria (Ministério da Justiça), Grupo de Marcas e oficiais de justiça.

Agentes do Procon também atuam na operação e poderão aplicar multas aos comerciantes com produtos ilegais. O Ministério Público, por meio do GAECO, foi notificado e acompanha a operação.

A Guarda Civil Metropolitana está preservando os locais e controlando os seus acessos, que estão restritos aos comerciantes, os funcionários e os agentes da operação. A medida é para facilitar e agilizar o trabalho dos organismos e proporcionar maior segurança a todos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.