Prefeitura embarga obras de presídio

A prefeitura de Porto Feliz (SP) embargou ontem a construção do Centro de Progressão Penitenciária (CPP), da Secretaria de Administração Penitenciária, do governo do Estado. O prefeito Claudio Maffei (PT) alega que a construção não tem alvará porque a empreiteira contratada não abriu processo para obter o documento. O órgão estadual foi multado em R$ 600 mil. A secretaria disse que a obra está regular.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.