Prefeitura de São Paulo planeja novo túnel sob a Faria Lima

Idéia é melhorar o trânsito na região da zona sul da capital e isolar faixas da Av. Juscelino Kubitschek

Humberto Maia Junior, do Estadão

13 de julho de 2007 | 09h10

A Prefeitura estuda a construção de um túnel na Avenida Juscelino Kubitschek, que passaria sob a Avenida Faria Lima, na zona sul de São Paulo. O prefeito Gilberto Kassab (DEM) enviou ao secretário de Governo, Clóvis de Barros Carvalho, que examinasse a viabilidade do projeto.A idéia é melhorar o trânsito na região e isolar algumas faixas da Juscelino, para criar uma área de lazer aos domingos, no trecho que liga o Parque do Ibirapuera ao Parque do Povo, que ainda está em construção.Para o consultor de trânsito Horácio Figueira, os custos da obra não justificam a melhora no trânsito - pequena segundo ele. "No máximo iria melhorar o tráfego na Faria Lima." Ele estima que a criação de um túnel custe entre R$ 30 milhões e R$ 60 milhões.Segundo ele, a existência de semáforos na Juscelino, no sentido bairro-centro, inviabiliza os ganhos do túnel. "Vai apenas ligar um congestionamento a outro." Os ganhos de fluidez seriam maiores no sentido centro-bairro, com menos semáforos.Estacionamento proibidoA Prefeitura vai criar um grupo de estudo para escolher pontos do centro onde será proibido o estacionamento de veículos nas vias. Os pontos ainda não foram definidos. "A idéia é aumentar a restrição gradualmente." O vereador Ricardo Teixeira (PSDB), autor de um projeto de lei que proíbe o estacionamento nas ruas do centro expandido, fará parte do grupo.Kassab disse que vai vetar o projeto de Teixeira porque, segundo o prefeito, sua implantação imediata é inviável. "Com a falta de estacionamentos adequados, a lei poderia trazer transtornos."

Tudo o que sabemos sobre:
trânsito

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.