Prefeitura avalia proposta; empresa segue ''tendência''

O Metrô informou, por meio de nota, que esse estudo segue padrões internacionais e se trata de um trabalho para entender a evolução da dinâmica imobiliária e a variação do uso e ocupação no entorno da Linha 4-Amarela (que quando estiver completa vai ligar a Luz à Vila Sônia).

Vitor Hugo Brandalise, Renato Machado, O Estado de S.Paulo

13 de outubro de 2010 | 00h00

"Este estudo segue uma tendência mundial, com o objetivo de obter benefícios à Companhia do Metropolitano para a expansão da malha, diante da mudança do perfil de uso e ocupação do solo no entorno do empreendimento." A companhia ressalta, no entanto, que o estudo ainda é preliminar e "por hora, não norteia nenhuma ação da Companhia". A Prefeitura informou que está avaliando a proposta do Metrô e por enquanto não vai manifestar-se.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.