Prefeitura abre licitação para ''memorial da TAM''

A Prefeitura de São Paulo abriu na quarta-feira licitação para contratar o projeto para construção do chamado Memorial 17 de Julho, no terreno na frente do Aeroporto de Congonhas, onde um avião da TAM matou há quase quatro anos 199 pessoas.

, O Estado de S.Paulo

09 de abril de 2011 | 00h00

Segundo informação publicada no Diário Oficial da Cidade, as empresas terão até quarta-feira para apresentar propostas. Os envelopes serão abertos na manhã do dia seguinte.

No dia 17 de julho de 2007, o Airbus A 320 varou a pista principal do aeroporto na zona sul e atingiu um prédio próximo, o da TAM Express. Semanas depois, o presidente da TAM, Marco Antonio Bologna, anunciou que doaria o local para a Prefeitura construir um memorial e uma praça em homenagem às vítimas da tragédia.

A Prefeitura já havia estudado dois projetos para o memorial - em 2007, o governo chegou a anunciar a construção da "Praça dos Ipês Amarelos", que nunca saiu do papel.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.