Prefeito de Taubaté e mulher são torturados

O prefeito de Taubaté, Roberto Peixoto (PMDB), e a primeira-dama, Luciana Peixoto, foram torturados durante assalto anteontem ao sítio da família, em São Bento do Sapucaí, a 169 km da capital. A casa foi invadida às 21h30 por cinco homens encapuzados. Um deles, segundo o prefeito, usava colete da PF. Além de levar joias, notebook e R$ 1,7 mil, o bando agrediu os dois com socos e até choques elétricos. Os ladrões fugiram.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.