Prédio destruído em incêndio será implodido pela Prefeitura amanhã, às 17h

Está marcada para amanhã, às 17 horas, a implosão do prédio destruído na semana passada por um incêndio na Favela do Moinho, região central da capital. A construção, que corre risco de desabar sobre a linha de trem da CPTM, é responsável pelo bloqueio atual entre as Estações Barra Funda e Luz, da Linha 7-Rubi, e Barra Funda e Júlio Prestes, da Linha 8-Diamante.

O Estado de S.Paulo

31 Dezembro 2011 | 03h04

No dia 22, 368 barracos pegaram fogo, deixando dois mortos e 1,5 mil pessoas desabrigadas. A expectativa da Prefeitura é de liberar a área até terça-feira. Serão usados 500 quilos de dinamite na implosão do prédio.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.