Praça sem calçada

MAU EXEMPLO DA PREFEITURA

O Estado de S.Paulo

13 Outubro 2012 | 03h02

A Prefeitura está multando os munícipes cujas residências apresentem a calçada em mau estado. Excelente iniciativa. Só que "em casa de ferreiro, espeto de pau." A Praça Wallace Alves de Siqueira, no bairro de Interlagos, é bastante extensa e não apresenta um mísero metro de calçada. Em dias de chuva, os pedestres são forçados a caminhar pelo asfalto e, assim, ficam sujeitos a sofrer atropelamentos, já que a Avenida José Carlos Pace, que dá seguimento a essa praça, apresenta um intenso tráfego de veículos. A Prefeitura deveria dar o bom exemplo e zelar pela instalação de calçada ao longo de toda a via, como fez na Praça Enzo Ferrari - totalmente reformada e ajardinada recentemente -, contígua à Praça Wallace Alves de Siqueira. Como a Coluna já conseguiu com que a Subprefeitura Capela do Socorro limpasse o local, talvez também tenha êxito neste pleito.

DETLEF W. SCHULTZE / SÃO PAULO

A Subprefeitura Capela do Socorro informa que já consta na programação da Coordenadoria de Infraestrutura Urbana e Obras a execução do passeio com concreto moldado in loco, com previsão de conclusão em outubro. Sobre a afirmativa de que a subprefeitura executou a limpeza da praça após intervenção da Coluna, esclarece que o dono do terreno foi multado e, após ser notificado, retirou o entulho.

O leitor comenta: Aguardarei até o fim de outubro para ver se a promessa vai ser cumprida. Falta, ainda, a subprefeitura esclarecer por que o Alô Limpeza somente cuida da limpeza de ruas, excluindo as praças.

FÚRIA ARRECADADORA

Multa indevida

A voracidade arrecadadora da "indústria da multa" não cessa. Recebi uma multa, não a questionei e paguei. Sabendo da necessidade de informar o condutor do veículo para a alocação da pontuação na CNH do infrator, informei o condutor, anexei os documentos exigidos e postei no correio como carta registrada dentro do prazo legal. Surpresa: recebi outra multa por "não identificação do condutor infrator imposta à pessoa jurídica". Recorri, com toda a documentação enviada anteriormente em mãos, crente que o pedido seria deferido. Outra surpresa: "Recurso não apreciado". Por telefone, tentei me informar e a atendente disse que eu deveria comparecer à Rua Sumidouro. Estou na zona leste e a R. Sumidouro fica na zona oeste. Sem trânsito, são duas horas de deslocamento, mais não sei quanto tempo teria em filas, gastos com combustível, estacionamento... Evidentemente, não compensa. É por isso que tanta gente não vai atrás para tentar reverter a situação, pois o que interessa é a arrecadação!

JOSÉ CARLOS ALVES / SÃO PAULO

A Secretaria Municipal de Transportes (SMT) e o Departamento de Operação do Sistema Viário (DSV) informam que será efetuado um recurso ex-officio em 1ª instância para cancelar a Multa NIC (não indicação do condutor), uma vez que a indicação do condutor foi realizada dentro do prazo legal. Respeitando-se os prazos legais, caso o leitor tenha seu recurso negado em 1ª instância e deseje recorrer novamente, há a possibilidade de impetrar recurso em 2ª instância no Conselho Estadual de Trânsito (Cetran).

O leitor relata: Até o momento ainda consta a multa nos registros do Detran.

FUNDAÇÃO CULTURAL

Barulho incomoda vizinhos

A Fundação Maria Luisa e Oscar Americano está desvirtuando suas atividades culturais e criando um transtorno sem tamanho à vizinhança. Hoje, o local se tornou uma casa de chá e de eventos - rotineiramente, há casamentos e festas de sobrenomes famosos e de personalidades do mundo artístico, lançamentos de carros, entre outros. Já tentei conversar com os responsáveis, que sempre têm argumentos protelatórios e nunca respondem a questões simples. A fundação tem alvará da Prefeitura para realizar eventos? Existe licença da vigilância sanitária e alvará para a casa de chá que lá funciona? Tendo o bairro o zoneamento Z1, estritamente residencial, tais perguntas são deveras importantes. Moro muito próximo da fundação e costumo ter a casa invadida pelo som das festas e dos eventos que lá ocorrem - o barulho começa logo cedo, dura o dia inteiro e vai até de madrugada.

LUIZ EDUARDO RAFFAELLI

/ SÃO PAULO

A Fundação Maria Luisa e Oscar Americano informa que já contatou o leitor para esclarecer suas indagações.

O leitor reclama: Até agora não recebi nenhum contato da fundação. Infelizmente, esta costuma ser a atitude deles.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.