Gabriela Biló/Estadão
Gabriela Biló/Estadão

Por mais mobilidade, 49% querem mais linhas de metrô ou trem em SP

Segundo a pesquisa divulgada no Dia Mundial Sem Carro, 6 em cada 10 paulistanos são contrários ao rodízio em 2 dias da semana

Juliana Diógenes, O Estado de S. Paulo

22 de setembro de 2015 | 11h14

SÃO PAULO - Uma pesquisa realizada pelo Ibope e divulgada na manhã desta terça-feira, 22, no Dia Mundial Sem Carro, mostrou que 49% dos paulistanos acreditam que a medida mais importante do poder público pela melhoria da mobilidade seja a construção de mais linhas de metrô ou trem e a ampliação das já existentes.

Encomendada pela Rede Nossa São Paulo em parceria com a Federação do Comércio do Estado de São Paulo (FecomercioSP), o levantamento entrevistou 700 pessoas com mais de 16 anos, entre os dias 28 de agosto e 5 de setembro.

Ainda segundo o estudo, seis em cada dez paulistanos são contrários ao rodízio em dois dias da semana.

Em relação à propensão para sofrer acidentes, 46% apontam os motociclistas como mais vulneráveis e 33% declararam que são os pedestres as vítimas mais comuns.

Tudo o que sabemos sobre:
São PauloMetrôCPTMMobilidade urbana

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.