População de Ilhéus vaia PMs e reclama de 'salários altos'

Grupos de policiais militares que saíram ontem em carreata por cidades do litoral sul baiano foram hostilizados. À tarde, ao cercarem a sede da Prefeitura de Ilhéus, chegaram a ser vaiados por lojistas e moradores.

O Estado de S.Paulo

07 de fevereiro de 2012 | 03h03

A pressão da população fez os grevistas voltarem ao quartel. E a indignação não é só pela fuga de turistas. O piso salarial da PM na Bahia chega a R$ 2.400 por mês. "Vendo manteiga e queijo há mais de 30 anos e nunca consegui tirar R$ 2.400", disse Ednéia de Oliveira, de 61 anos.

A renda média da população local não passa de R$ 910 mensais, segundo o IBGE. O vencimento de médico plantonista em início de carreira é, por exemplo, de R$ 2.500. / DIEGO ZANCHETTA

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.