Pistas da Marginal do Tietê são liberadas após interdições causadas por chuvas

Sentido Rodovia Ayrton Senna e Rodovia Castello Branco ficara paralisados; 29 voos foram cancelados em Congonhas devido ao mau tempo

O Estado de S.Paulo

01 Dezembro 2018 | 07h01
Atualizado 01 Dezembro 2018 | 14h15

Pontos de alagamento bloquearam as faixas nos dois sentidos da Marginal do Tietê na manhã deste sábado, 01. Segundo a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), neste momento as vias já estão liberadas para o trânsito. 

No sentido Rodovia Ayrton Senna, a paralisação começou na Ponte dos Bandeirantes e foi até a altura da Ponte das Bandeiras, onde um alagamento intransitável ilhou motoristas e causou transtornos. Já no sentido da Rodovia Castello Branco, alagamentos bloquearam as pistas locais e expressas próximas à Ponte Aricanduva. 

Houve bloqueios também na altura da Ponte Atílio Fontana,  Ponte do Tatuapé, Ponte das Bandeiras, Ponte da Casa Verde, Ponte Presidente Dutra, Ponte Jornalista Walter Abrahão e próximo da saída para a Rodovia Castello Branco. 

O Corpo de Bombeiros informou que das 0h às 7h horas foram registrados 13 chamados para quedas de árvores, 49 para enchentes e 13 para desabamentos e desmoronamentos.

Pessoas relatam pelas redes sociais que ficaram paradas por horas no trânsito da Ponte da Casa Verde e Ponte das Bandeiras devido aos alagamentos que bloqueiam completamente as vias. 

Voos cancelados 

O funcionamento do Aeroporto de Congonhas também foi afetado pelas chuvas que atingiram a cidade. Segundo o site do aeroporto, até às 11h30, 29 voos foram cancelados

Circulação de caminhões

Por determinação do prefeito Bruno Covas e do secretário municipal de Mobilidade e Transportes, João Octaviano Machado Neto, foi liberada a circulação dos caminhões neste sábado, 1, das 10h às 14h, em toda a Zona Máxima de Restrição de Caminhões. A medida é adotada em razão das chuvas que atingiram a cidade na madrugada deste sábado.

Previsão do tempo para o final de semana

Novas áreas de chuva devem se deslocar do interior do Estado para a capital nas primeiras horas do final de semana. A previsão do tempo para este sábado aponta que o clima deverá continuar instável durante todo o dia.

De acordo com o Centro de Gerenciamento de Emergências de São Paulo (CGE), imagens recentes de radar e satélite meteorológico registram áreas de instabilidade na forma de chuva fraca e garoa atuando em grande parte da Capital Paulista. No decorrer das próximas horas novas áreas de instabilidade devem atingir a cidade, o que mantém elevado o potencial para formação de alagamentos e deslizamentos de terra, já que o solo permanece encharcado pelas chuvas das últimas horas.

As chuvas mais volumosas e generalizadas acontecem entre a tarde e a noite com potencial para descargas elétricas e rajadas de vento. Os termômetros oscilam entre 20°C e 27°C.

A expectativa é de temperatura mínima de 18° e máxima de 25°C. O domingo, 2, deverá ter sol com muitas nuvens durante o dia. A previsão é que o tempo siga nublado, com possibilidade de chuvas a qualquer hora. A expectativa é de mínima de 17° e máxima de 24°C.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.