Ponte Orca entre Vila Madalena e Barra Funda sairá de operação

Motivo dado pelo governo para cancelamento é baixa demanda de usuários em comparação com outras ligações

02 Outubro 2009 | 16h30

A partir do dia 13 os usuários da Ponte Orca entre as estações Vila Madalena e Palmeiras-Barra Funda do Metrô terão de utilizar outro meio de transporte para fazer a viagem. O serviço só irá funcionar até a próxima sexta-feira, 9, segundo a Secretaria de Transportes Metropolitanos de São Paulo.

 

A Ponte Orca, atualmente, faz a ligação em três pontos da cidade: entre as estações Alto do Ipiranga (Linha 2-Verde/Metrô) e Tamanduateí (Linha 10-Turquesa/CPTM), Cidade Universitária (Linha 9-Esmeralda/CPTM) e Vila Madalena(Linha 2-Verde/Metrô) e entre as estações Barra Funda e Vila Madalena.

 

De acordo com a secretaria, no entanto, esta última é a que tem a menor demanda de usuários. A média de passageiros por dia, no mês de agosto, nas outras duas ligações foi de 5 e 11 mil, respectivamente, número superior aos 2 mil registrados entre Vila Madalena e Barra Funda.

 

As opções apontadas pela pasta são a utilização do Metrô ou de outras três linhas de ônibus municipais (veja abaixo). Para utilizar a Ponte Orca, o usuário retira uma senha antes de passar pela linha de bloqueio da estação e a apresenta ao agente para embarcar no micro-ônibus. A validade da senha é de uma hora e as viagens são feitas sem paradas.

 

METRÔ - o passageiro deve seguir Barra Funda até a Estação Sé, ir até a Estação Paraíso (Linha 1-Azul) e pegar um trem para a Vila Madalena, e vice-versa para o caminho contrário.

 

ÔNIBUS - entre as estações Vila Madalena e Palmeiras-Barra Funda há três linhas municipais de ônibus: 828P/10 Lapa - Metrô Barra Funda, 177X/10 Jd. Pery Alto - Metrô Vila Madalena e 177C/10 Jd. Brasil - Vila Madalena.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.