Ponte é liberada, mas marginais seguem congestionadas em SP

Situação ruim das marginais afetou rodovias Castelo Branco e Anhanguera-Bandeirantes que dão acesso à cidade

Elvis Pereira e Solange Spigliatti, do estadao.com.br,

25 de março de 2008 | 14h17

A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) desinterditou às 11h45 desta terça-feira, 25, duas das quatro faixas do início da Ponte Engenheiro Ary Torres, sentido Interlagos, em São Paulo. A pista estava parcialmente bloqueada desde as 8h45, por conta de um acidente com dois caminhões. Um deles tombou e a carga de cervejas que transportava caiu na via. Para liberar o trecho, a CET removeu as bebidas para o canteiro entre as pistas expressa e local da Marginal do Pinheiros. A limpeza total da via deve ocorrer apenas após as 21 horas.  Veja também:Debate sobre trânsito com o prefeito Gilberto Kassab   Kassab estuda ampliação do rodízio e anuncia linha de metrôCaminhão pode ser vetado no centro expandido Acompanhe agora a situação do trânsito rua por rua Das medidas anticongestionamento, apenas uma entra em vigorAs rotas alterantivas para fugir do congestionamentoAs obras e propostas de estacionamento da Prefeitura e opine  Apesar da liberação, o trânsito continuava complicado em toda capital. Às 14h40 a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) registrava 77 quilômetros de lentidão em toda a cidade. O índice indica que 9,2% dos 835 quilômetros de vias monitoradas estavam congestionados. Nas Marginais do Tietê e do Pinheiros, também às 14h40, a primeira tinha 4,5 km de congestionamento na pista expressa, entre a Rodovia Castelo Branco e a Ponte Aricanduva, e 8,9 na local, da Castelo até 210 depois do Hospital na Vila Maria. No sentido contrário, da Ayrton Senna, havia mais 4 km de morosidade nas pistas expressa e local, a partir da Castelo. Na Marginal do Pinheiros, a fila de engarrafamento alcançava 10,2 km, da Ary Torres até a Castelo.  A situação ruim das marginais afetou as rodovias que dão acesso à capital. A Castelo apresentou lentidão por 4 quilômetros, entre os km 17 e 13, na chegada à marginal, segundo a Viaoeste. O sistema Anhanguera-Bandeirantes também foi prejudicado. A avenida dos Bandeirantes, sentido Rodovia dos Imigrantes, o motorista reduzia a velocidade por 4,9 quilômetros, desde a Marginal do Pinheiros até a Rua João Carlos Mallet. Matéria atualizada às 14h50 para alteração de informações

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.