HÉLVIO ROMERO/ESTADÃO
HÉLVIO ROMERO/ESTADÃO

Ponte da Freguesia do Ó tem faixa interditada pela Prefeitura

Estrutura recebe carga superior à que foi projetada; Casa Verde passará por obras

Ana Paula Niederauer e Bruno Ribeiro, O Estado de S.Paulo

22 de fevereiro de 2019 | 23h54

SÃO PAULO - Mais uma estrutura viária da capital paulista teve interdição, desta vez parcial, determinada pela Prefeitura após constatação de falta de segurança. A Ponte da Freguesia do Ó, que passa sobre a Marginal do Tietê, na zona norte de São Paulo, está com o trânsito na faixa da direita, na pista sentido centro, bloqueada por tempo indeterminado. 

O bloqueio é para aliviar o peso da ponte sobre suas vigas de sustentação. Segundo a gestão Bruno Covas (PSDB), técnicos da empresa EGT Engenharia constataram, após vistorias e a conclusão do processo de reconstituição (retroanálise) do projeto da ponte, que a estrutura suportava peso maior do que aquele para o qual foi projetada. 

Assim, os agentes da Secretaria Municipal de Infraestrutura Urbana e Obras (Siurb) determinaram a retirada de parte do trânsito da parte de cima, reduzindo o peso. “Para garantir a segurança da população, uma faixa foi interditada, permitindo aliviar a carga sobre a estrutura”, disse a Prefeitura, em nota.

É a segunda estrutura que sofre intervenção desde que o Município decidiu fazer vistorias sobre a segurança de pontes e viaduto. No fim de janeiro, a Siurb decidiu fechar a alça de ligação da pista expressa da Marginal do Tietê e a pista expressa da Rodovia Presidente Dutra, também por falta de segurança. Não há prazo para liberação. 

A blitz nas estruturas é resultado do desmoronamento das vigas de sustentação do viaduto da Marginal do Pinheiros, em novembro, que deve continuar bloqueado até 18 de março, quando está prometido o término dos reparos. A obra no local vai consumir R$ 19,9 milhões.

Acidente

Em um intervalo de 48 horas, dois caminhões colidiram contra vigas da Ponte da Casa Verde, também na zona norte, causando avarias na estrutura da via. A Prefeitura anunciou obras de emergência. “Para realização delas, será mantida a interdição da faixa da direita da Ponte da Casa Verde, sentido bairro-centro”, diz a Siurb.

Mais conteúdo sobre:
Bruno Covasviaduto

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.