Políticos locais vão apelar a governador por solução do caso

A Câmara Municipal de Piracicaba, interior do Estado, vai enviar ao governador do Rio, Sérgio Cabral (PMDB), e ao prefeito de Três Rios, Vinícius Farah (PMDB), moções de repúdio e de apelo pedindo empenho na descoberta dos assassinos da estudante piracicabana Jéssica Philipp Giusti, de 21 anos, sepultada ontem. Segundo o presidente da Câmara, vereador José Aparecido Longatto (PSDB), o prefeito Barjas Negri (PSDB) deve pedir ao governador Alberto Goldman (PSDB) que também interceda perante o governo do Rio. "As investigações sobre os responsáveis dessa verdadeira barbárie não cabem a nós, mas vamos, sim, dentro de nosso papel, fazer pressão e nos mobilizarmos para que esse crime seja esclarecido", declarou.

Rodrigo Guidi, Jornal de Piracicaba, O Estado de S.Paulo

21 de outubro de 2010 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.