Daniel Teixeira/Estadão
Daniel Teixeira/Estadão

Policial Civil é preso após matar jovem de 23 anos em rua do bairro de Pinheiros

O crime aconteceu na madrugada de sexta-feira, 9, durante uma aglomeração na Rua Guaicuí, que costuma ficar movimentada por reunir bares e restaurantes. Agente se apresentou em unidade policial e foi levado parar presídio

Larissa Burchard, especial para Estadão

11 de julho de 2021 | 14h43

Um policial civil foi preso após disparar e matar um jovem de 23 anos no bairro de Pinheiros, zona oeste de São Paulo, neste sábado, 10. O crime aconteceu na madrugada de sexta-feira, 9, durante uma aglomeração na Rua Guaicuí, que costuma ficar movimentada por reunir bares e restaurantes. 

Segundo um amigo da vítima, eles estavam em um grupo de dez pessoas  quando uma pessoa desconhecida sacou uma arma, disparou para o alto e depois atirou em direção a eles, atingindo o jovem. O rapaz foi socorrido e levado ao Pronto Socorro do Hospital das Clínicas onde permaneceu internado, mas não resistiu aos ferimentos. O autor fugiu logo após o disparo.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública, o policial se apresentou à unidade policial e depois foi levado para o órgão corregedor para prestar depoimento. O delegado solicitou a prisão temporária do policial que foi encaminhado ao Presídio Especial da Polícia Civil. 

O caso foi registrado pelo 14º Distrito Policial, em Pinheiros, e encaminhado à Corregedoria da Polícia Civil, onde ocorrem as apurações. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.