Divulgação/PM
Divulgação/PM

Policiais militares realizam parto na zona norte de São Paulo

Criança nasceu no carro, a caminho do hospital

O Estado de S. Paulo

16 de agosto de 2015 | 18h54

Este domingo, 16, foi um dia de trabalho diferente para os policiais Paulo Rogério da Costa Coutinho e Tamara Ignácio dos Santos. Enquanto cerca de mil policiais civis e militares foram escalados para garantir a segurança da manifestação na Avenida Paulista, a dupla precisou realizar um parto.

Por volta de 15 horas, os policiais passavam pela Rua Ministro Lins de Barros, no bairro do Jardim Peri, zona norte de São Paulo, onde avistaram um carro com a gestante Nayara Denise da Silva, de 27 anos, já em trabalho de parto. Os policiais iniciaram a escolta do veículo com destino ao hospital, mas não tiveram tempo de chegar ao destino. A pequena Kimberli nasceu na Rua Gonçalves de Magalhães, no interior do automóvel. 

Tamara e Coutinho nunca tinham realizado um parto e ficaram comovidos com a ação. "Na hora você não pensa muita coisa, só pensa em ajudar a pessoa", disse Tamara. "Foi emocionante. É uma ocorrência bonita, que todo policial quer ter no histórico", afirmou Coutinho. De acordo com a Polícia Militar, mãe e criança estão no hospital e passam bem. 

Tudo o que sabemos sobre:
partopolícia militarpm

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.